O que faz um higienista dental?

By 11 de setembro de 2019 Notícias

O que faz um higienista dental?

o que faz um higienista dental 

No Brasil, o que faz um higienista dental é descrito e regulamentado pela Lei Federal nº 11.889, de 2008. Esta função, designada hoje como Técnico em Saúde Bucal (TSB), substitui o antigo Técnico de Higiene Dental. A ocupação foi criada com o objetivo principal de aumentar a produtividade e a qualidade dos procedimentos dentários. Uma unidade de trabalho odontológica completa consiste de um cirurgião dentista, um auxiliar de saúde bucal (ASB) e o técnico em saúde bucal. Portanto, nesta configuração, uma equipe consegue se responsabilizar, com eficiência, por ações de prevenção, promoção e recuperação em saúde bucal.

O higienista dental deve receber uma formação técnica, ou seja, 2 anos de estudo em média, e estar registrado no conselho competente.  É uma das ocupações auxiliares no âmbito da saúde bucal e foi idealizada para ajudar nas mudanças dos modelos de assistência.

 

Veja também:

15 males que podem ser evitados com consultas regulares ao dentista

Planos odontológicos Uniodonto Uberlândia: a primeira opção para a família

Seu plano dentário: você está coberto?

Hora do check-up anual: 4 vantagens em contar com a cobertura de um plano odontológico

 

O que faz um higienista dental

o que faz um higienista dentalCom efeito, numa equipe odontológica, cada um tem a sua responsabilidade. O cirurgião dentista, por exemplo, examina o paciente, realiza tratamentos e pequenas cirurgias, prescreve medicamentos e gerencia os outros profissionais. Cabe ao auxiliar de saúde bucal preparar o paciente, assim como auxiliar e instrumentar o dentista.

o que faz um higienista dental, ou técnico em saúde bucal, em suma, é potencializar o atendimento. Ele participa da capacitação do auxiliar e é encarregado de divulgar e orientar sobre as técnicas de higiene oral. Mas sua função não termina aí. Quando um técnico é bem aproveitado pelo dentista, o trabalho é agilizado e o tempo é otimizado.

Porém, é vetado a esse profissional atuar de forma autônoma ou prestar assistência a paciente sem a supervisão do dentista. Não é permitida também a divulgação de seus serviços por meio de propaganda, em qualquer tipo de mídia.

Atividades típicas do Técnico em Saúde Bucal

  • Planejar o trabalho técnico odontológico, ou seja, agendar consultas, fazer a triagem e a anamnese do paciente, agilizando o atendimento odontológico.
  • Preparar equipamentos e instrumental para uso e avaliar, junto ao cliente, opções de materiais de higiene bucal e prótese.
  • Prevenir doenças bucais, executando projetos educativos e ensinando técnicas de higiene bucal. 
  • Realizar escovação supervisionada e aplicar métodos preventivos para controle da cárie dental.
  • Confeccionar moldeiras e provisórios, dar acabamento e polimento em próteses e confeccionar modelos em gesso.
  • Executar alguns procedimentos odontológicos sob supervisão, como, por exemplo, profilaxia, aplicação de selante e flúor, tomada e revelação de raios-X.  
  • Administrar pessoal e recursos financeiros e materiais.
  • Trabalhar com segurança, utilizando equipamentos de proteção individual (EPI) e cuidar da assepsia da sala e equipamentos.

Características preferenciais de um Técnico de Saúde Bucal

Mais do que conhecimentos técnicos, um bom profissional da saúde deve demonstrar atenção e respeito pelo paciente. Considerando tudo o que faz um higienista dental, podemos intuir que ele deve possuir iniciativa, paciência e senso estético.

Outros atributos recomendáveis são a facilidade para o trabalho em equipe, o autocontrole e a capacidade de concentração. Na área técnica, são necessárias uma boa coordenação motora fina e uma considerável percepção visual e táctil.  

Campo de atuação de um higienista dental

Apesar da importância da função, a figura do Técnico em Saúde Bucal é encontrada com mais frequência no serviço público. Assim, a maior impulsionadora da formação dos técnicos é a Política Nacional de Saúde Bucal, através das Equipes de Saúde Bucal.

Um estudo do Departamento de Odontologia Social e Preventiva da Faculdade de Odontologia da Universidade de Minas Gerais traz um levantamento da atuação desses profissionais. Antes de mais nada, fica clara a propensão às funções preventivas coletivas, promovidas com maior frequência pela política pública.

De acordo com o documento, os higienistas atuam mais nas ações de promoção da saúde do que nas atividades clínicas. No trabalho nas equipes, os técnicos em saúde bucal consolidam a prática em saúde voltada para a humanização.

Nas unidades básicas de saúde da família, identificam as necessidades e expectativas da população em relação à saúde bucal. Com essas informações, estimulam e executam atividades educativas e preventivas de promoção da saúde. Dessa forma, esse profissional sensibiliza as famílias para a importância da saúde bucal na manutenção da saúde integral.

Conheça a Uniodonto Uberlândia. Acesse o site, acompanhe o blog e contrate online o melhor plano odontológico para você e sua família.

Leave a Reply