Os segredos para cuidar dos dentes de leite

De 11 de abril de 2019Notícias

Os segredos para cuidar dos dentes de leite

Cuidar dos dentes de leite

Os segredos para cuidar dos dentes de leite

Algumas pessoas acreditam que a primeira dentição, por não ser definitiva, não requer cuidados especiais. Pelo contrário, ela é de importância fundamental para que a dentição definitiva seja saudável. Durante o período entre seis meses de vida e seis anos de idade, em média, a criança convive com os decíduos, ou dentes de leite. A higiene correta e a atenção ao seu desenvolvimento são indispensáveis não só para sua própria manutenção como também para a daqueles que virão em seu lugar. Sendo assim, neste post apresentamos alguns segredos para cuidar dos dentes de leite. Nele estão incluídos cuidados e hábitos que devem ser desenvolvidos e estimulados nas crianças, para garantir dentes e gengivas saudáveis por toda a vida.

Os dentes de leite possuem a mesma estrutura dos dentes permanentes. Portanto, estão sujeitos aos mesmos agentes nocivos que formam as cáries e podem provocar problemas maiores. A partir dos seis anos eles começam a cair e, assim, dar lugar aos dentes permanentes. Se, desde pequenos, são inseridas rotinas positivas nos hábitos das crianças, é provável que a nova dentição venha e se mantenha forte e sadia.

Você vai gostar de ler também:

3 dicas para criar bons hábitos de saúde bucal para crianças

Estomatite: tratamento em casos infantis

Como acabar com afta na boca

Como é uma consulta odontopediátrica

Alguns segredos para cuidar dos dentes de leite

1 – Alimentação

Papinhas e alimentos mais sólidos começam a ser introduzidos a partir do encerramento da fase de aleitamento materno. Antes de mais nada, uma alimentação mais consistente tem a função de estimular a mastigação e o desenvolvimento da estrutura da face e da arcada dentária.

Porém, o mundo moderno está recheado de tentações saborosas e armadilhas industrializadas. Por conseqüência, cabe aos pais estimular uma alimentação natural, saudável e rica em fibras a partir da primeira infância. Afinal, esta ação será positiva tanto para cuidar dos dentes de leite quanto da saúde em geral.

Com certeza o maior inimigo dos dentes é o açúcar. Visto que o excesso dele na alimentação, combinado com uma deficiência nos cuidados, pode trazer conseqüências dolorosas e desnecessárias. A cárie de mamadeira, por exemplo, causa dor e dificulta a alimentação em um período crítico para a formação do ser humano.

Portanto, evitar o consumo excessivo do açúcar em doces e achocolatados é o melhor caminho para prevenir cáries e cuidar dos dentes de leite dos pequenos.

2 – Exemplo

As crianças não seguem conselhos, elas imitam ações. Sendo assim, pais e adultos devem se tornar os modelos a serem seguidos no que diz respeito à higiene bucal. Podem permitir que os filhos presenciem suas próprias rotinas, com o propósito de deixar clara a importância dos cuidados para a saúde.

Ao mesmo tempo, podem aproveitar estes momentos para explicar os procedimentos mais corretos e ressaltar seus benefícios. O importante é que a criança perceba nos pais uma preocupação pela saúde bucal e, dessa forma, procure se espelhar neles.

3 – Higiene bucal

Cuidar dos dentes de leite

Cuidar dos dentes de leite – Higiene bucal

Salvo raras exceções, crianças que adoram escovar os dentes não existem. Ou seja, cabe aos pais insistir na rotina de escovação, especialmente após as refeições e antes de deitar. Nesse sentido, pode ser útil associar a esses momentos coisas agradáveis, como histórias, músicas e brincadeiras.

Uma postura firme e tranquila, aliada a reforços lúdicos, decerto pode transformar os momentos de cuidar dos dentes de leite em ocasiões de interação e divertimento. Além disso, existem no mercado produtos específicos para crianças que colaboram para tornar o momento de higiene mais prazeroso.

Por outro lado, é bom introduzir também nesta fase o hábito de usar o fio dental e observar para que a pasta dental não seja engolida. Além de não forçar a queda dos dentes. Afinal, esse processo deve ocorrer naturalmente, mesmo com a pressão da “fada dos dentes”.

4 – Atenção e cuidados

Um outro segredo para cuidar dos dentes de leite está contido na atenção dos pais às alterações na boca dos pequenos. Assim como o aparecimento de manchas, os sangramentos e dores devem ser investigados. Com efeito, podem apontar para cáries ou doenças gengivais.

Os pais devem também observar e monitorar os hábitos da criança, como a forma da respiração e da mastigação, bem como o uso contínuo de chupetas. Esta observação constante pode facilitar a prevenção de alguns problemas que podem vir a ocorrer nos dentes e na arcada dentária.

5 – Escolha e acompanhamento de um bom profissional

Por fim, encontrar um bom profissional especialista em odontopediatria é muito importante para cuidar dos dentes de leite e resguardar a criança de pequenos traumas. As primeiras visitas ao consultório devem começar bem cedo e, sem dúvida, são fundamentais para criar um ambiente de camaradagem com o dentista. Além, é claro, de acompanhar se o processo está ocorrendo de forma tranqüila e dentro do esperado.

 

Cuidar dos dentes de leite é uma extensão dos cuidados com a saúde das crianças. Leia mais sobre este e outros assuntos no Blog Uniodonto Uberlândia.

Comunicação Uniodonto

Autor Comunicação Uniodonto

Mais mensagens de Comunicação Uniodonto

Responder